Menu fechado

A Mulher e o Câncer

Por Vera Lúcia Ruiz*

As mulheres com câncer vivenciam experiências de dores físicas e emocionais vividas particulamente, as quais influenciam em todo o processo da doença – desde a aceitação até o tratamento – bem como na qualidade e intensidade da dor.

Durante todo o tratamento do câncer os sentimentos mudam muito. A doença envolve a passagem por três etapas que são: o recebimento do diagnóstico de estar com câncer; a realização de um tratamento longo e agressivo; e a aceitação de um corpo com uma nova imagem, com necessidade de aceitar e conviver com o mesmo.

A mulher que está com câncer não tem só o seu corpo modificado, mas a sua imagem corporal e diferentes aspectos da sua vida afetiva e social. Há um grande aprendizado no sentido de buscar a organização de sua vida para saber o que vai ser feito e para não perder o controle da situação. O câncer traz mudanças efetivas na vida das pessoas, porque o diagnóstico altera a condição anteriormente estabelecida de atividade para colocá-las em um lugar de passividade em relação à vida – por isso ele precisa ser pensado em toda a sua amplitude.

O câncer desestrutura a mulher e todos os seus familiares, no sentido de trazer para a sua convivência a incerteza da vida, a possibilidade de uma recidiva da doença e a incerteza quanto ao sucesso do tratamento.

A Associação Ciranda da Vida trabalha no acolhimento desses pacientes. O seu trabalho é totalmente voltado para melhorar-lhes a qualidade de vida, assim como dos seus familiares e cuidadores, para que possam enfrentar o tratamento da doença, promover mudanças de comportamento relacionado à saúde e aumentar a autoestima.

Os grupos de apoio da Associação voltados ao paciente são extensivos aos seus familiares ou cuidadores, nas áreas de: psico-oncologia, biodança, musicoterapia, oficina do bordado, oficina do saber, oficina de automaquiagem, oficina de jardinagem, oficina de agricultura doméstica.

E, ainda, as terapias individuais: psicoterapia, fisioterapia, toque quântico, toque terapêutico, reiki e terapia da polaridade. Todo o trabalho é voluntario e gratuito. O grupo da Associação Ciranda da Vida deseja (Um feliz Dia Internacional da Mulher), que Deus continue iluminando a todos os seus pacientes com muita Luz!

Vocês são mulheres guerreiras e vencedoras….Parabéns!